maio 02, 2008

Dicas de condução

Conduzir é mais do que simplesmente ser uma forma de nos deslocarmos do ponto ‘A’ para o ponto ‘B’. É um sacrificio para alguns, um prazer para outros, é sinal de status devido ao carro que se conduz, é onde se coloca em pratica comportamentos recalcados, e até há quem conduza para pensar e relaxar.

Por isso o acto de conduzir é importante porque exterioriza parte da nossa forma de viver, do sentido competitivo, e também de marcarmos posição.

Por isso ninguém gosta de ser “ultrapassado” na estrada, quer seja por uma besta que se mete à nossa frente, ou um tipo que não respeita a prioridade. Por isso vou dar aqui umas dicas de condução, para aqueles dias quem que queremos ser o rei ou a rainha da estrada.

1- numa fila de transito com varias faixas de rodagem, devemos tentar sempre circular à esquerda ou à direita (caso existam mais de 3 faixas), e deves manter o teu carro o mais perto possivel do da frente e o mais encostado possivel à outra faixa de rodagem: assim ninguém se mete à tua frente

2- para mudares de faixa nunca abras o pisca a não ser que já estejas a efectuar a manobra. Se o fizeres, corres o risco de um cromo acelerar só para te impedir de entrar

3- se vires um carro a fazer pisca para se colocar na tua faixa, acelera para o impedires de completar a manobra

4- se fores na auto-estrada a velocidade acima do permitido por lei (só multam se circulares acima de 150km/h) e vires um carro a aproximar-se rapidamente da tua traseira, RESISTE À TENTAÇÃO de acelerar, porque pode ser a bófia. Reduz rapidamente a velocidade para 150km/h ou menos, e encosta. Deixa passar, e se sentires vontade de um picanço, vai atras então. De qualquer forma dá muito mais gozo ultrapassar do que impedir de ser ultrapassado.

5- Na auto-estrada é importante estares sempre atento(a) a carros suspeitos a circular nas auto-estradas, como gamas altas a rolar na direita a velocidades baixas (os BMW do costume, os Subaru,...)

6- Conhecer bem as zonas tipicas de operações STOP e evita-las

7- Nos parques e estacionamento circular sempre bem no meio para nenhum espertinho ultrapassar e sacar-nos o lugar

8- Tenta saber onde “andam” os radares

9- Se encontras um lugar para estacionar e vier um caramelo atras, pára antes do lugar, abre pisca e só nessa altura avanças devagarinho, ou arriscas-te a que o atrasado mental se enconste a ti impedindo a tua manobra

10- Evita usar a buzina sempre que algum(a) palhaço(a) te chatear na estrada. Arriscas que ainda se fique a rir de ti. Em vez disso procura dar-lhe uma resposta à altura com outra manobra, e se não der, então esquece.

11- Se circulares devagar e um estropicio qualquer te fizer sinais de luz e buzinadelas para saires da frente, não faças nada... mantem-te na tua que isso só o irrita ainda mais, ou até podes reduzir ainda mais a velocidade. Se outra faixa proporcionar uma ultrapassagem tens 3 hipoteses: ou aceleras para ele(a) nao te passar, mas é preciso ter carro para competir, ou mudas de faixa impedindo o outro de completar a manobra, ou então cagas nisso e ficas-te a rir do momento anterior.

12- Circula na faixa que te apetecer e der mais jeito

13- Nunca pares o carro demasiado perto do da frente, porque pode ser um nabo que deixa o carro ir abaixo, e assim podes passa-lo

14- Os parquimetros parecem não cumprir 100% as exigencias legais de pagamentos, uma vez que só aceitam moedas. Não sei se é verdade, mas arrisquem!!!

15- Se fugires numa operação STOP nocturna, desliga imediatamente as luzes. Se for diurna... é melhor parar

16- Evitem a proximidade de condutores de boné e de condutoras que se sentam a 3 dedos do volante

17- Se fores gajo e levares uma miuda gira contigo, usa-a para conseguires entrar em rotundas e onde não tens prioridade: ela só precisa de rir para o outro carro, e pedir licença. Depois ri-te!!!!

18- Não estaciones em cima dos passeios de forma a dificultar em demasia a circulação de peões. Estou-me a borrifar para os peões, mas há gente muito maldosa que risca os carros....

Bem, estas dicas, ou algumas delas, não respeitam determinações do código da estrada ou mesmo aspectos legais, por isso é da inteira responsabilidade de cada um segui-las, sabendo desde já que corre o risco de levar um tiro na fuça de algum gajo maluco, ou então ter de passar por um processo juridico devido a incumprimentos legais.

Existe no entanto um aspecto que é fundamental: a vida das pessoas. Podemos ser irresponsaveis com a nossa vida, mas penso que é condenável quando essa irresponsabilidade envolve outras pessoas.

É dificil fazer esta separação na estrada, mas acho que o risco deve ser uma avaliação individual, começando pelas tuas proprias capacidades atras de um volante.

Só me responsabilizo por mim!!!!

3 comentários:

Orquidea disse...

19_ Se entrares numa estrada que tinha sinal de trânsito proibido, faz de conta que não reparaste e não mudes de direcção. Se te fizerem sinal, faz de conta que não percebes que é contigo. Resulta!

Castronauta disse...

20_ se encontrares algúem em contra-mão a fingir que não sabe o que está a fazer, é a ORQUIDEA!!! Chama imediatamente o jardineiro mais proximo..... ou finge ser um!!!

Mestre disse...

21 - Se passares por uma estrada de sentido único e vires um jardineiro a impedir a marcha de uma viatura em contra-mão...acelera que eles querem-te gamar o carro :D